ERIKA E PÂMELA

   Erika: Sou como sou, livre e espontânea. O corpo para mim é arte, é beleza, é expressão. E cada um faz de si aquilo que acha conveniente!! Fotografia é arte, é um amor que descobri e tolos são os que não sabem apreciar a poesia nisso!! Apenas nós mesmos sabemos oq é viver nossa própria vida, ser quem somos, sentir oq sentimos e como sentimos. Então não julgue o outro, não projete seus desejos e ideais à outrem. Cada um possui sua própria vida, mas poucos sãos os que sabem vive-las de fato. Preferem " viver" suas vidas como extensão do outro e na maioria das vezes apenas para julgar, para retaliar e atrapalhar.
            Pessoal, o mundo já não é um lugar fácil de se viver; não roubem a luz dos outros, cultive a sua própria e ela transbordará e tu não mais sentirá necessidade e tão pouco terá tempo para viver a vida do outro!!!

Pâmela: Posar para o essência nua teve um peso muito grande para mim porque eu me senti uma nova mulher, eu me senti livre e empoderada! Eu consegui ver beleza em mim com outros olhos e é uma experiência que todo mulher deveria ter porque é algo que realmente faz você se amar e isso que é importante que independente do corpo que você tem, você se aceitar e dizer: "eu sou bonita sim!" e eu consegui ver isso nesse ensaio claramente.